Os craques também jogam #12 João Lucas

Os craques também jogam #12 João Lucas

O Convidado da nossa 12ª edição é João Lucas, jogador do Santa Clara: além de um fã acérrimo – e batoteiro… (risos) – de Football Manager, é também um caso de sucesso e de um ‘sonho de menino’ que com toda a dedicação que sempre empregou em cada clube onde passou, acabou concretizado! 

Tendo passado toda a sua formação por Sporting, Corroios, Belenenses e terminado o último ano como Sub-19 no Benfica, foi no Sport Benfica e Castelo Branco (Campeonato de Portugal) que começou a dar os primeiros passos junto dos graúdos. E não poderia ter corrido melhor! Titularíssimo e com prestações assinaláveis o que lhe fez saltar de imediato na 2ª época para o nível profissional: Leixões onde esteve por duas épocas com uma também presença assídua no onze inicial.

Na época 2018/2019 atingiu o que tanto ambicionava: chegou à Primeira Liga ao ser contratado pelo Santa Clara onde lá se mantém com atuações regulares pela equipa açoreana.

Acompanha-nos nesta conversa!

Os craques também jogam - João Lucas

FMPortugal.net: Como surgiu esta tua paixão pelo CM/FM? Qual a tua grande recordação dos tempos em que começaste ‘a viciar’?

João Lucas: Sempre gostei muito de futebol, não só de jogar mas também da parte que a maioria desconhece: a preparação dos jogos, gerir o cansaço dos jogadores, a estratégia para cada jogo consoante o adversário, etc. E o FM foca-se nisso! Não só escolher o onze inicial e ir buscar os melhores jogadores do mundo, como também descobrir novos talentos, montar um modelo de jogo, escolher as dinâmicas, gerir o clube, etc. Lembro-me de jogar antes de ir dormir e pensar sempre “só mais um jogo e vou descansar” mas acabava por ser mais do que um e entretanto passavam-se horas. (risos)

FMPortugal.net: Qual foi a tua reação quando te viste integrado na base de dados oficial do jogo? Passaste a levar-te para cada equipa que passavas a treinar ou deixavas o teu boneco ‘voar’?

João Lucas: Foi um motivo de orgulho porque sempre quis ter o meu boneco nos grandes videojogos de futebol. Sempre que treinava um clube ia sempre buscar o meu “boneco” em primeiro lugar e colocava-o como capitão, batedor de cantos, livres e penaltis, só não batia os pontapés de baliza (deixava isso para o guarda-redes)! (risos)

FMPortugal.net: Quando iniciavas um save, a tua intenção inicial era crescer no seio do clube até te  tornares um Sir Alex Ferguson ou tornavas-te um globetrotter?

João Lucas: Eu gosto de entrar num clube e só deixá-lo quando chego ao topo, isto é, ganhar tudo o que tinha para ganhar e depois sair para outro e fazer o mesmo! Portanto, acabo a tornar-me um globetrotter!

FMPortugal.net: Relativamente à forma como estás retratado no FM, o que alterarias para melhor e… pior? Nós poderemos pensar no assunto… (risos)

João Lucas: No geral parece-me tudo muito bem (parabéns!), no entanto, talvez aumentaria a pontuação do remate de longe e o posicionamento…. Fica aqui o convite para a Equipa de Pesquisa do FM vir a Ponta Delgada assistir aos treinos para mudarem de opinião (risos).

Os craques também jogam - João Lucas

FMPortugal.net: Já ganhaste tudo o que havia para ganhar por alguma equipa? Qual o teu maior feito e com que clube o conseguiste?

João Lucas: Aquele que maior destaco foi no Sport Benfica e Castelo Branco, ganhei a Taça de Portugal e passado algumas épocas consegui chegar à Primeira Liga. Já nos clubes grandes era sempre mais fácil ganhar campeonatos e taças, pelo que este foi o feito que me deu mais prazer!

FMPortugal.net: Confessa-te: costumas reiniciar quando ‘aquela’ final ou ‘aquele’ jogo vital te corre mal, ou enfrentas a direção e adeptos perante o desaire e tentas reconquistá-los com novos resultados?

João Lucas: Isso era algo que fazia regularmente, especialmente nas Finais das Taças ou da Liga dos Campeões. É sempre tão difícil de lá chegar que tinha de ganhar de qualquer forma! (risos)

FMPortugal.net: Por fim, e deixando um pouco de lado a ‘realidade virtual’, tens subido ‘a pulso’: Sport Benfica e Castelo Branco (CP), Leixões (2ª Liga) e atualmente ao serviço do Santa Clara (1ª Liga). Quais as principais  diferenças competitivas sentidas entre as três divisões Portuguesas por onde passaste?

João Lucas: As principais diferenças é que os jogadores são mais inteligentes, pensam e executam mais rápido e cometem menos erros, pelo que são estes pormenores que fazem a diferença a nível profissional. No entanto, sublinho (de forma imparcial) que existe muita qualidade nos escalões inferiores de Portugal, pelo que basta os clubes estarem atentos e darem oportunidades a esses jogadores para retirarem a baixo custo rentabilidade a curto/médio-prazo.

Os craques também jogam - João Lucas

Questões Rápidas:

Primeira edição que jogaste?

2013

Edição favorita?

2015

Liga favorita para jogar?

Premier League

 Equipa favorita para jogar?

Belenenses

Equipa adversária que sempre te deu dores de cabeça?

Benfica

 

João Lucas é um exemplo para qualquer jovem que está atualmente a terminar a sua formação ou que atue no Campeonato de Portugal: tal como o João chegou, com dedicação e foco vocês também podem conseguir chegar ao patamar profissional! 

Muito Obrigado pela tua disponibilidade e extrema simpatia em conceder-nos esta entrevista e assim sabermos um pouco mais de ti e deste teu vício em Football Manager. Desejos de uma ótima época 2019/2020 e esperámos te ver no próximo ano a voar ainda mais alto!

Fiquem com alguns dos seus melhores momentos enquanto estava ao serviço do Leixões na Época 2016/2017:

Outras entrevistas dos Craques também Jogam:

#13 André Almeida

#12 João Lucas

#11 Ricardo Benjamim

#10 Pedro Monteiro

#9 Fábio Vieira

#8 João Cardoso

#7 Telmo Castanheira

#6 João Meira

#5 Tiago Oliveira

#4 João Coimbra

#3 Luís Machado

#2 Tikagol

#1 João Amorim

O que tens a dizer sobre isto?