Os craques também jogam #5 Tiago Oliveira, o expresso Aveirense!

Os craques também jogam #5  Tiago Oliveira, o expresso Aveirense!
Tiago Oliveira, é um dos bons valores que podem encontrar nas divisões inferiores, não só na vida real, como também no Football Manager, no qual tem a vantagem da combinação dos seus melhores atributos, serem também dos mais influentes no motor de jogo!
 Nesta entrevista falará do seu primeiro contacto com o CM, o desejo de aparecer nele, as suas qualidades como treinador no jogo e a aposta que por pouco ia correndo mal!
Tiago Oliveira
Tiago Oliveira

POP: Ainda te lembras da primeira vez que jogaste?

Tiago Oliveira: A primeira vez que joguei deveria ter uns 10 anos, e foi no antigo e famoso CM 01/02, o mais mítico de todos os que joguei. Sempre fui apaixonado por qualquer jogo que envolvesse desporto, seja basquetebol, futebol ou ciclismo. Naquela altura, esse tipo de jogos não abundavam, então descobri o CM. Desde então foi vício para a vida toda.

POP: Nessa altura, ainda eras um jovem, nas camadas jovens da Oliveirense. Alguma vez esperavas aparecer no jogo que tanto gostavas?

Tiago Oliveira: É óbvio que sonhamos sempre em aparecer no jogo, pois seria sinal de que estaríamos num bom panorama nacional, mas nunca pensei que realmente fosse acontecer.

POP: Antes de apareceres oficialmente na base de dados, já tinhas por hábito contornar esse “problema” criar o teu boneco no jogo?

Tiago Oliveira: Nunca tive por hábito criar-me, nem tão pouco mexer na base de dados para facilitar a minha vida de treinador. Gosto de jogar muito com a realidade, e não tentar contornar os verdadeiros moldes do jogo.

POP: Qual foi a tua reacção quando viste que estavas finalmente criado no jogo?

Tiago Oliveira: A primeira vez que me vi no jogo jogava em Bragança, e foi um amigo que trabalhava para a base de dados portuguesa que me enviou um print.

Obviamente fiquei contente por aparecer no jogo da minha vida. Na verdade, pouco me interessavam os atributos, uma vez que estava ali uma vitória pessoal e isso era o que mais significado tinha para mim. Mas no geral a informação estava correcta e isso deu-me um gozo enorme.

POP: Inicias saves com as equipas onde jogas na vida real? E dás tratamento preferencial ao teu boneco? E quando treinas outras equipas, também te contratas, ou és rigoroso e só o fazes se tiver qualidade suficiente para a equipa?

Tiago Oliveira: Geralmente faço muitos saves por ano. É da praxe começar um com a equipa onde jogo, e com as equipas do meu coração, a UD Oliveirense e o Sporting CP. Salvo erro nunca me contratei para alguma equipa e mesmo quando jogo na equipa onde estou geralmente sou muito criterioso. Se tiver alguém que apresente um melhor rendimento dou preferência a esse jogador, tento meter a vida pessoal longe da vida de treinador!

POP: Só na edição do FM2017, foste avaliado pela equipa de pesquisa, e os teus atributos deixaram de ficar ao acaso. A espera valeu a pena? O que achas dos atributos e numa auto-avaliação tua, o que alterarias para melhor ou pior?

Tiago Oliveira: Em 2017 quando soube que fui avaliado pela equipa de pesquisa fiquei super contente, e aí sim, já fui analisar os meus atributos com maior rigor. Quanto a isso, eu acho que queremos sempre estar melhor e ser melhor, mas em relação ao jogador que me identifico na vida real, creio que todos os atributos mais fortes estavam de acordo com aquilo em que me acho mais forte e fiquei agradado com isso.

POP: Alguns dos teus atributos mais relevantes na vida real e no jogo, são a velocidade e a outros de características ofensivas. Esses mesmos atributos têm muita relevância no motor de jogo, especialmente para laterais, o que leva a terminarem as épocas com excelentes ratings e um enorme número de assistências. Já sentiste isso nos teus saves com o teu “boneco”? Ou tens por norma não projectar os teus laterais, garantido mais segurança defensiva?

Tiago Oliveira: Eu como treinador tenho ideias muito próprias, gosto de projectar muitos os laterais, alas por dentro e isso beneficia o meu boneco. Em 2017 em Bragança fiz 21 assistências para golo e no meu save com o GD Bragança fiz 17 , fiquei um pouco abaixo da realidade, mas satisfeito pelos números.
No FM 18, como treinador, já não me coloquei a jogar tão regularmente, porque tinha um lateral com maior capacidade do que eu, na minha equipa e só fiz 3/4 jogos e 2 assistências, o que também não fugiu muito da realidade, já que pouco joguei na vida real!

 

Tiago Oliveira no FM2018
Tiago Oliveira no FM2018

POP: Em relação às tuas qualidades como treinador, estudas os teus adversários ou desenvolves a tua táctica a tal ponto que não necessitas de adaptar aos teus oponentes?

Tiago Oliveira: Eu tenho as minhas ideias, construo a minha táctica de raiz e vou com ela até ao fim. Na minha opinião, um treinador tem de se saber adaptar aos jogadores mas não deve nunca abdicar das suas ideias e eu sou muito assim, orgulhoso e objectivo! Transporto sempre às minhas ideias para o jogo, sabendo que evidentemente as coisas não são assim tão supérfluas.

POP: Aceitas ajuda dos teus integrantes de staff? Por exemplo delegas as conferências e discursos motivacionais? E quanto a conselhos tácticos durante o jogo?

Tiago Oliveira: Por norma, delego todas as conferências antes do jogo, fico apenas com o discurso motivacional antes de começarem as partidas.  De resto, todos os outros “trabalhos” assumo-os eu, mas aceito sempre quando aparecem sugestões, sobre treino quando está demasiado pesado, ou se o adjunto acha que devemos mudar aqui ou ali. Sou muito vulnerável nesse sentido.

POP: Existe algo que gostarias de ver implementado futuramente no jogo que ainda não exista?

Tiago Oliveira: Eu acho que tudo o que venha acrescentar realidade é sempre bem-vindo, não gostava era que trouxessem virtualidade para o jogo. Gosto do modelo, gosto da ideia… Quanto mais simples melhor, incutindo sempre um ou outro pormenor que transmita mais realidade.

POP: Sabemos que em Bragança algo aconteceu num jogo com um amigo teu. Conta-nos tudo!

Tiago Oliveira: Estava a fazer um save contra um amigo, com uma equipa do Championship, julgo que o Sheffield Wednesday. Começamos com a mesma base de dados, tudo igual, e jogamos juntos todos os dias. Quem fizesse a pior classificação no final da época teria de dar uma volta na avenida principal de noite, todo nu. Em Bragança, as noites são sempre muito concorridas e no final da época o meu amigo lá teve que ir correr nu no meio de uma multidão. Felizmente safei-me dessa. Hoje em dia choramos a rir quando recordamos isso!

Resposta rápida:

Primeira edição que jogaste?

CM 01/02

Edição Favorita?

FM4

Liga Favorita?

Liga Portuguesa

Equipa Favorita para jogar?

UD Oliveirense
Lateral ou Extremo?

Lateral
Marcação H-H ou à Zona?

Marcação a Zona
Bloco alto com armadilha de fora-de-jogo ou Bloco Baixo?

Bloco alto com armadilha do fora de jogo

A maneira invulgar como Tiago Oliveira joga Football Manager!
A maneira invulgar como Tiago Oliveira joga Football Manager!

O que tens a dizer sobre isto?